Covid-19: combinação de medicamentos usada contra HIV não é tratamento eficaz


Retrovirais até causaram efeitos colaterais negativos em alguns casos

Fonte: Covid-19: combinação de medicamentos usada contra HIV não é tratamento eficaz

Mais um fora da lista!!

Hidroxicloroquina ou cloroquina com ou sem macrolídeo para tratamento de COVID-19: uma análise de registro multinacional – The Lancet

Não foi possível confirmar um benefício da hidroxicloroquina ou cloroquina, quando usada isoladamente ou com um macrólido, nos resultados hospitalares do COVID-19. Cada um desses regimes terapêuticos foi associado à diminuição da sobrevida hospitalar e ao aumento da frequência de arritmias ventriculares quando utilizado no tratamento do COVID-19.

Fonte: Hydroxychloroquine or chloroquine with or without a macrolide for treatment of COVID-19: a multinational registry analysis – The Lancet

 

EUA autorizam uso emergencial de Remdesivir em pacientes de coronavírus


Fonte: EUA autorizam uso emergencial de Remdesivir em pacientes de coronavírus

Effective treatment of severe COVID-19 patients with tocilizumab

https://www.pnas.org/content/pnas/early/2020/04/27/2005615117.full.pdf

icance
Em pacientes com doença de coronavírus 2019, um grande número de linfócitos T e macrófagos mononucleares são ativados, produzindo citocinas como a interleucina-6 (IL-6), que se ligam ao receptor de IL-6 nas células-alvo, causando a tempestade de citocinas e respostas inflamatórias graves nos pulmões e outros tecidos e órgãos. O tocilizumabe, como anticorpo monoclonal humanizado recombinante anti-receptor de IL-6, pode se ligar ao receptor de IL-6 com alta afinidade, impedindo a ligação da própria IL-6 ao receptor, tornando-o incapaz de causar danos ao alvo. células e aliviando as respostas inflamatórias.

Resultados preliminares mostram que anticoagulante melhora respiração de pacientes graves com Covid-19 – GGN

 

Fonte: Resultados preliminares mostram que anticoagulante melhora respiração de pacientes graves com Covid-19 – GGN

O uso do anticoagulante heparina melhorou o funcionamento dos pulmões e a oxigenação do sangue em pacientes com casos graves de covid-19 em tratamento realizado no Hospital Sírio-Libanês de São Paulo, com participação de médicos da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP). A heparina reverteu obstruções nos vasos sanguíneos do órgão, melhorando a respiração e fazendo o oxigênio chegar ao sangue. Com a melhora, os pacientes puderam deixar de usar ventilação mecânica e sair da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital.

Provavelmente não haverá uma cura milagrosa para o novo coronavírus


Experimentos com hidroxicloroquina e remdsivir foram inconclusivos, mostrando que deverá levar um tempo até termos um tratamento eficaz contra COVID-19.

Fonte: Provavelmente não haverá uma cura milagrosa para o novo coronavírus

Não está fácil não!!