Debate sobre segunda dose da vacina de febre amarela volta à tona

Nível de anticorpos neutralizantes específicos diminui progressivamente após a imunização primária, indicando a necessidade de reforço após 10 anos.

Fonte: Debate sobre segunda dose da vacina de febre amarela volta à tona

Imagem: 36 anos de identificação do HIV

No dia 20 de maio de 1983, o HIV foi isolado e identificado pela primeira vez. O microrganismo ainda não tinha nome, mas já causava a morte de milhares de pessoas ao redor do mundo.

Essa histórica conquista científica foi realizada por Luc Montagnier e Françoise Barré-Sinoussi, do Instituto Pasteur, em Paris, e permitiu novas pesquisas que levaram ao desenvolvimento de medidas de prevenção, métodos para diagnóstico, medicamentos para controle da infecção e exames para orientar o tratamento.

Febre amarela: país tem 723 casos confirmados e 237 mortes desde julho, diz ministério

Ministério considera que, por atingir população maior, doença este ano tem menor incidência, mesmo que número absoluto seja maior; entenda.

Fonte: Febre amarela: país tem 723 casos confirmados e 237 mortes desde julho, diz ministério

Filipinas interrompe programa de vacinação contra a dengue por conexão com mortes – Gizmodo Brasil

Na sexta (2), autoridades filipinas conectaram pelos menos três mortes a distribuição de Dengvaxia, a primeira vacina contra a dengue do mundo, reporta a Reuters. O fabricante da vacina, Sanofi Pasteur, admitiu em novembro que a Dengvaxia poderia aumentar as chances de grave enfermidade em crianças que não foram infectadas com o vírus da dengue […]

Fonte: Filipinas interrompe programa de vacinação contra a dengue por conexão com mortes – Gizmodo Brasil

Imagem comemorativa do dia do Sanitarista

9E7121EE-9D30-44A7-BDF0-DFBA325E7C10

Esses personagens acima provavelmente foram a mais brilhante geração de médicos que este País teve. Deixaram um legado e tanto, e de certa forma foram os precursores da Medicina Tropical no Brasil.

Hepatite A: como se proteger da doença que cresceu quase 11 vezes em São Paulo neste ano

Surto colocou quatro pessoas na fila de emergência para transplante de fígado e causou duas mortes; ao todo, 155 pessoas foram hospitalizadas.

Fonte: Hepatite A: como se proteger da doença que cresceu quase 11 vezes em São Paulo neste ano